Home / Destaques da Semana / Escola Graça Aranha: a história de Sede Sarandi perdida entre teias de aranhas, poeira e solidão

Escola Graça Aranha: a história de Sede Sarandi perdida entre teias de aranhas, poeira e solidão

De propulsora do desenvolvimento intelectual à montes de livros, carteiras e troféus abandonados. Esta é a situação da Escola de Ensino Fundamental Graça Aranha localizada na Comunidade de Sede Sarandi, distante 20 km da área central de Herval d’Oeste.

Acompanhe o vídeo feito pelo Jornalismo Líder:

A Reportagem da Rádio Líder esteve no local na tarde desta terça-feira (08) e comprovou a situação do local. Com aproximadamente oito salas de aula, refeitório, cozinha, praça de alimentação, secretaria e área de lazer, a Escola Graça Aranha sofre com a ação do tempo e a história acaba se perdendo por entre teias de aranhas, poeira e solidão. Infelizmente, não se há informações sobre as datas de fundação e desativação.

“Lembro-me que antigamente a nossa comunidade era uma das principais de Herval d’Oeste. Tínhamos muitos moradores, várias empresas, uma fábrica de refrigerante e a Escola Graça Aranha que era referência para Herval d’Oeste e municípios próximos. O que nos resta hoje é olhar para a estrutura e lembrar da belíssima história que a unidade de ensino construiu ao longo do seu tempo”, disse um dos agricultores que residem próximo da Escola.

Nas salas, nada de alunos, apenas montes de livros, carteiras amontoadas, poeira e silêncio. Na Secretaria, a lembrança de um passado premiado. Diversos troféus estão expostos como se promovessem uma indesejada recordação de algo que dificilmente será relembrado.

Em anexo a unidade de ensino, uma área de lazer que se assemelha com a escola: total abandono. Uma quadra de esportes que não oferece a mínima condição de qualquer tipo de prática esportiva. “Sabemos que fica um pouco longe da cidade, mas quem sabe se houvesse uma intervenção do Poder Público fosse possível criar algo diferente neste espaço nobre que tantas alegrias trouxe à nossa comunidade”, completou o morador que preferiu não ter o nome identificado.

Entre as alternativas apontadas pelos próprios moradores da Comunidade de Sede Sarandi estão algumas:

– Instalação de uma Escola Técnica Agrícola

– Destinação do espaço como abrigo das máquinas agrícolas da Prefeitura

– Fortalecimento de grupos da terceira idade

– Criação de um Parque de Exposições

– Instalação de uma Clínica de Recuperação para dependentes químicos

Veja agora

Sepulturas são violadas em cemitério no interior de Luzerna

Nesta segunda-feira, 19, a Polícia Civil de Luzerna foi comunicada que sepulturas do cemitério de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *